Atividades de coordenação motora para autista

O enriquecimento das atividades de coordenação motora para autista é um conceito muito importante e necessário.

Além disso, essa modalidade de tratamento pode ser simples ou mais elaborada, porém com resultados positivos.

Esses estímulos passaram a ser estudados e praticados em pessoas autistas que produziram melhoras significativas quando realizadas constantemente.

Por que as atividades de coordenação motora são tão importantes?

É bastante significativo o reconhecimento de que as atividades de coordenação motora para autista auxiliam muito desenvolvimento da motricidade.

Para entender melhor como funciona, elas se dividem em duas etapas:

  1. Coordenação fina: tem o controle das mãos, velocidade, precisão e força.
  2. Coordenação ampla: que abrange movimentos de andar, pular e engatinhar, por exemplo.

Escolher a atividade de forma correta para que a criança autista se sinta seguro é muito importante, pois ajuda no estímulo de maneira que possa realizar tarefas simples com autonomia.

Conforme o nível do autismo, é muito importante investir em um terapeuta ocupacional para ajudar a coordenação motora fina e ampla e também nas atividades lúdicas.

Por que fazer as atividades de coordenação motora de forma consistente?

Para obter resultados satisfatórios é preciso ser feitos de forma organizada e repetitiva.

Por isso, é importante entender que cada pessoa autista terá o seu modo de desenvolver próprio e necessidades diferentes de um e outro.

Uma forma de realizar essas atividades é através de brincadeiras lúdicas e atrativas.

É um trabalho que exige dedicação e esforço dos pais ou cuidadores, mas que tem um objetivo a ser atingido.

Por meio das brincadeiras, demonstra-se a estrutura mental do autista, de forma que elas sejam terapêuticas sem forçar e constranger.

Portanto, recorrer aos estudos, fazer pesquisas e conversar com pessoas e profissionais qualificados é fundamental para realizar as atividades de coordenação motora para autista de forma correta.

Como realizar as atividades de forma orientada?

Você sabia que para ter momentos estimuladores e prazerosos entre o autista e sua família é preciso seguir algumas regrinhas? Então confira abaixo:

  • Prepare um ambiente calmo e aconchegante e use sempre recursos e materiais que chamem atenção.
  • Mantenha a criança ou adulto autista motivado e procure uma maneira de alcançar esse objetivo. 
  • O tempo de atividade deve ser de forma gradual e, portanto, observe quando não há mais interesse.

Como contribuir para o desenvolvendo da coordenação motora fina?

Listamos algumas atividades de coordenação motora para autista, simples de colocar em prática e ser realizadas como forma de brincadeiras junto com seus familiares.

Então confira abaixo:

Prender pregadores coloridos em cartolina coloridas

Recorte então cartolinas coloridas em formato de círculos, solicite que coloque a quantidade de prendedores e a cor determinada pelo adulto no círculo.

Varal infantil

Amarre um barbante na altura da criança, recorte moldes de vestuários, objetos em cartolinas ou caixa de sapato, peça pra pendurar as peças recortadas com o prendedor colorido no varal.

O adulto determinará o objeto e a cor do prendedor, mas o objetivo é brincar de estender e recolher os objetos representados dando estímulo do movimento, formas e cores.

Com massinhas comprada ou feita em casa.

Desenhe em um papel um objeto, número ou letra e peça pra fazer com a massinha o mesmo formato do desenho.

Essa é uma das atividades de coordenação motora para autista mais gostosas de fazer.

Desenhar com tinta guache

Incentive a criar formas de objetos ou pessoas conhecidas, seja com o dedo ou com um pincel.

Colocar botões no potinho

Invista em botões coloridos, faça furos nos potes e incentive a colocar os botões nos potes de acordo com as cores dos botões.

Brincando com esponjas

Com uma esponja limpa, água e duas tigelas, encha uma tigela com água e a outra vazia.

É só encharcar a esponja com água e depois, espremer na outra tigela.

Bolinhas de isopor

Pegue bolinhas de isopor, coloque em uma bacia com agua e pegue-as com uma peneirinha.

Colocar palitos no paliteiro

Peça para a criança contar e colocar cuidadosamente os palitos no paliteiro.

Abrir e fechar zíper ou abotoar botões

Ensine a criança a abotoar botões das camisas e a abrir e fechar o zíper sozinha.

Separando vários tipos de grãos

Coloque em uma tigela plástica vários tipos de grãos, de preferência coloridos, e peça para separar os iguais em formato e cor em tigelas separadas.

Argila 

Brincar com argila é uma maneira divertida e pode ajudar muito a fortalecer e relaxar.

Além disso, é uma das atividades de coordenação motora mais querida pelos autistas.

Painel para coordenação motora fina

Pegue várias garrafas de plástico de vários modelos e cores.

Corte então a parte superior das garrafas com a tampa e cole o outro lado em um pedaço de papelão.

Estimule a criança a abrir todas as tampas e depois feche com as tampas e suas respectivas garrafas.

Tiro ao alvo de papel

Desenhe em uma folha de papel um alvo redondo, grande e colorido bem no meio da folha e fixe na parede.

Corte então pedaços de papel higiênico e faça bolinhas. Umedeça as bolinhas.

Ao jogar no alvo elas irão marcar o papel e isto indicará se jogou próximo do centro.

Além disso, incentive a jogar com as duas mãos, pois vai estimular a coordenação motora do autista.

Equilibrando as torres

equilibrando a torre atividade de coordenacao motora para autista
Foto de Pexels

Coloque vários tipos de materiais, de preferência de plástico, em uma mesa ou no chão.

Além disso, explique para a pessoa autista verbalmente ou com gestos de como realizar essa atividade.

Faça então pilhas desses objetos mostrando como realizar as torres.

Como contribuir para o desenvolvendo da coordenação motora ampla de crianças autistas

Aqui estão alguns modelos para contribuir na motricidade ampla realizadas em um ambiente familiar.

Pegadas

Desenhe pegadas no chão com a criança ou adulto autista no formato das mãos e pés e peça para ela colorir.

Dê o exemplo, caminhe sobre os desenhos, alternando as pegadas com o pé direito e esquerdo.

Depois faça com as mãos, pois é importante tornar a brincadeira lúdica para chamar atenção.

Jogo siga os pés e as mãos

Desenhem em folhas de papel vários pés e mãos e cole no chão intercalado.

Jogue então com ela utilizando o corpo para tocar nos pés e mãos.

Pode ser com música e, quando parar a música, peça para manter o equilíbrio na posição.

Depois continue a música e peça para prosseguir o trajeto.

Se você quiser saber mais sobre os benefícios da música para crianças autistas, confira nosso artigo.

Cores e movimentos

Vai precisar de barbante, bolas coloridas e tampinhas de garrafa da mesma cor das bolas.

Prenda o barbante de modo que fique esticado e que fique distante do chão.

Coloque então em um local em frente do barbante as tampinhas coloridas disposta em certa distância de uma e outra.

A brincadeira consiste em levar a bola colorida de um lado para o outro do barbante, ou seja, primeiro passando por debaixo do barbante, andando, passando além e depois retornar a passar por cima.

Vocês vão se divertir muito com essas atividades de coordenação motora para autista.

Motricidade ampla realizada nos esportes com um profissional

Os pais podem contar com o trabalho de bons profissionais, independentemente do esporte que escolher.

Então busque por profissionais qualificados que atendam as necessidades de cada autista, com aulas bem planejadas e com uma estrutura para atender o seu desenvolvimento.

Veja então alguns exemplos de como o autista pode e deve fazer muitos esportes acompanhados individualmente ou em grupo pelo profissional escolhido.

  • Basquete e futebol – Esses esportes auxiliam no planejamento motor e socialização.
  • Judô – além da coordenação motora auxilia no equilíbrio, força e na atenção.     
  • Natação- gostam de realizar as atividades na água, além de trabalhar nos músculos e tonificar o aparelho cardiorrespiratório.
  • Ginástica artística.
  • Circuitos funcionais – pode utilizar nas brincadeiras com cordas, cones e bolas, por exemplo.

Conclusão sobre as atividades de coordenação motora para autista

As atividades de coordenação motora para autista exige esforço comum dos familiares na dedicação para alcançar os resultados positivos.

É importante compreender que os autistas são extremamente visuais e, por isso, as cores, os formatos e a diversidade de brincadeiras tem que ser atrativas, a fim de que entendam a comunicação.

A comunicação deve ser feita com gestos, instruções concretas e objetivas, a fim de tornar compreensível a proposta dos exercícios em forma de brincadeira.

Por isso, demonstramos aqui algumas atividades e esperamos que elas tragam ótimos resultados.

Se você quiser se aprofundar ainda mais no assunto, confira o treinamento online Jornada ABA para pais, professores, alunos ou pacientes.

Confira também nosso artigo sobre a importância da rotina para o autista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.