Rotina para Autista: Benefícios e Dicas para Melhor Organização

Quer aprender como criar uma rotina para autista? Então você veio ao lugar certo!

O essencial para uma criança autista é formar hábitos saudáveis para o seu desenvolvimento e, por isso, estabelecer uma rotina pode ser uma excelente opção.

Porém, é necessário que uma rotina para autista se adapte às necessidades da criança, ainda mais as autistas, que possuem dificuldades cognitivas.

Portanto, tenha muita cautela e paciência na hora de ensinar a criança a ter uma boa organização, pois uma rotina organizada é crucial para o seu crescimento pessoal.

Por que uma rotina para autista pode ajudar?

A rotina desenvolve o lado independente da criança e a torna mais organizada.

Especialmente para uma criança autista, é muito importante saber em qual horário faz o que, pois isso evita eventuais desconfortos com mudanças.

A rotina, então, pode evitar essas situações estressantes.

É muito importante que a rotina seja implementada aos poucos, pois a criança autista não costuma reagir muito bem a mudanças repentinas.

Então confira abaixo as dicas de rotinas para autistas que preparamos para te ajudar.

Dicas de rotinas para autistas

Conheça abaixo algumas dicas de como criar uma rotina para autista.

Defina horários na rotina para autista

Horários como a hora de dormir e de acordar, das refeições, tomar banho, escovar os dentes, dos momentos de lazer, etc.

Todos os horários que definirem precisam ser cumpridos dentro do prazo.

Por exemplo: ir dormir todos os dias às dez da noite, almoçar todos os dias ao meio dia, fazer a tarefa às 19h, entre outros.

No começo, é importante um certo rigor, a fim de que você consiga implementar esse hábito na criança, fazendo-a entender que é para o bem dela.

Então, mesmo que ela esperneie, mantenha a calma e a ajude a cumprir o que definiu no prazo correto.

Esses limites impostos ajudarão a criança autista amadurecer a sua independência.

Atividades domésticas de organização

É essencial mostrar para a criança autista que a organização tem que ser levada a sério.

Por isso, marque um horário para que ela organize a sua própria bagunça, guarde os seus brinquedos e seus sapatos.

Implementar uma rotina de organização, ajudará a criança autista a desenvolver empatia, além de melhorar sua capacidade de trabalho em equipe.

Intervalos para descansar na rotina

Depois de cumpridos os afazeres, incentive-a a desfrutar do seu tempo livre.

Apesar de ser difícil manter uma criança autista calma, incentive-a descansar nos momentos que não possuir nada para fazer.

Coloque uma música clássica ou de meditação e ajude a criança a ter um tempo de paz, de organizar os seus pensamentos e de recuperar as suas energias.

Monitore o uso de dispositivos eletrônicos por crianças autistas

Atualmente, as crianças têm o contato com a tecnologia logo cedo.

Todavia, o uso excessivo desses aparelhos podem atrapalhar no desenvolvimento da criança autista, fazendo com que ela não interaja com outras crianças.

Por isso, é muito importante controlar o uso de aparelhos eletrônicos, como smartphones, tablets, televisão, etc.

Você pode permitir o uso desses aparelhos em momentos de distração ou quando já tiver concluído todos os seus afazeres, mas sempre colocando um limite no momento de usar.

Produza um cronograma específico para a área de lazer

crianca autista lendo um livro
Foto de Pexels

Os adultos precisam deixar a criança desenvolver sua personalidade através da área de lazer.

Algumas crianças autistas gostam de correr, outras gostam de sentar por horas e apreciar um bom livro infantil. Isso depende muito de cada criança.

É importante incentivar o hábito da leitura desde cedo, pois pode se tornar um verdadeiro lazer para a criança.

Separe bons livros infantis e, nos momentos de lazer, incentive sua criança a apreciar a leitura.

Mas nunca a force. Vá sempre com calma e deixe que a criança escolha seus próprios jogos, brinquedos e também os coleguinhas com quem ela quer interagir.

Assim, ela pode criar seus próprios sentimentos e as amizades que ela quer manter.

Dialogue com seus filhos

É necessário que os filhos criem um laço de amizade e de confiança com os pais.

Portanto, separe um tempinho no seu dia para conversar com a criança, saber o que ela fez, entender melhor o mundo em que ela está vivendo, como escola, amigos, tarefas, etc.

É importante que a criança se sinta importante e amada criando, assim, uma relação de respeito, amor, amizade e confiança.

Organize o dia da distração

Um dia completo só de brincadeiras, leituras, passeios, comunicação e atividades educativas é primordial para uma rotina para autistas, especificamente para crianças.

Os pais precisam organizar um tempo para passar com os seus filhos, principalmente se eles forem autistas. Pode ser nos finais de semana ou no domingo, por exemplo.

Procure um ambiente onde todos se sintam bem, pois, dessa forma, você poderá criar lembranças inesquecíveis e felizes, aumentando a conexão de vocês.

Quais cuidados devo tomar ao criar uma rotina para autista?

Confira a seguir mais dicas de como o seu filho autista pode ajudar em casa em relação à organização.

Priorizando as obrigações de forma clara

Coloque uma lista de afazeres com objetivos claros. Use imagens ilustrativas, fitas coloridas ou um quadro para anotar as informações que precisam ser cumpridas.

Uma comunicação ideal é aquela que é explicada de maneira sucinta, pois isso ajuda na conversa com a criança.

Determine tarefas que não provoquem o estresse na criança

Evite tarefas com estrondos e muito contato com a luz, pois diversas crianças autistas possuem hipersensibilidade, que pode causar situações de estresse e frustração.

É muito importante que a criança sinta-se confortável para desenvolver sua responsabilidade.

Não deixe a criança se sentir sobrecarregada com a rotina para autista

Uma rotina para autista precisa ser rígida, porém, nem tanto, pois uma rotina muito rigorosa pode prejudicar o estado emocional do pequeno.

Portanto, se for o caso, diminua o número de tarefas ou reagende as obrigações, de acordo com a necessidade da criança.

Os pais precisam entender que as crianças, apesar de serem autistas, estão em fase de crescimento.

Então é normal que falhas e birras aconteçam.

O importante é entender que uma rotina para autista vai ajudar a criança a se desenvolver melhor e evitar desconfortos relacionados a mudanças a todo momento.

Portanto, se nem tudo da rotina for cumprido, não se culpe e não desista, pois amanhã é um novo dia e o hábito depois de uma série de repetições da mesma atividade.

Conclusão sobre rotina para autista

Uma rotina é essencial para o desenvolvimento da criança autista.

Isso porque, além de evitar desconfortos com mudanças repentinas, a ajudará a se centrar melhor e até a estabelecer laços com familiares e amigos.

Além disso, uma rotina para autista auxiliará no amadurecimento da responsabilidade para a fase adulta.

Espero que esse artigo tenha te ajudado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.